O Gigantesco Ataque Hacker que Abalou Google, Amazon e Microsoft

Uma notícia recente abalou o mundo da tecnologia: Google, Amazon e Microsoft afirmaram terem sido vítimas de um ataque hacker que supera qualquer outro já registrado. Esse ataque monumental, que ameaçou as estruturas digitais de gigantes da tecnologia, levanta questões cruciais sobre a segurança digital em nossos tempos. Este ataque hacker de proporções colossais, cujo criador ainda não foi identificado, representa um marco na história da cibersegurança. O hacker conseguiu violar as defesas das três maiores empresas de tecnologia do mundo: Google, Amazon e Microsoft, deixando uma trilha de prejuízos incalculáveis. Mas como isso aconteceu? Hoje, vamos abordar esses pontos e descobrir o intuito por trás desse ataque.

A Engenhosidade do Ataque

Segundo informações do Google, o ataque hacker foi executado usando uma técnica inovadora. Em vez de simplesmente sobrecarregar os servidores com um grande volume de tráfego, o Hacker mirou em uma vulnerabilidade do protocolo HTTP/2, que é responsável por carregar as páginas da web. Isso significa que ele não pretendia apenas sobrecarregar os servidores, mas também explorar uma fraqueza específica no protocolo usado para carregar páginas da web.

 

Pico do Ataque: O Google relatou que o pico do ataque causou uma sobrecarga massiva de tráfego, atingindo incríveis 398 milhões de requisições de acesso por segundo. Comparando com os ataques anteriores, o texto menciona que o maior ataque registrado no ano anterior atingiu um pico de 46 milhões de requisições por segundo. Isso ilustra a magnitude sem precedentes do ataque, que foi sete vezes maior do que o maior ataque registrado anteriormente.

 

Escala do Ataque: Para ilustrar a escala do ataque, o texto faz uma comparação com o número de visualizações de artigos na Wikipedia. Durante dois minutos, esse ataque gerou mais pedidos do que o número total de visualizações de artigos na Wikipédia durante todo o mês de setembro de 2023. Isso destaca o incrível volume de tráfego direcionado ao ataque.

 

Além do Google, outras empresas também foram afetadas pelo ataque. A empresa de segurança na web Cloudflare registrou 201 milhões de requisições, o que é três vezes maior do que o maior ataque registrado anteriormente. A Amazon registrou 115 milhões de requisições. Todas essas empresas trabalharam para mitigar os efeitos dessas massivas requisições de serviços, ou seja, tomaram medidas para tentar minimizar os danos causados ​​pelo ataque.

 

Esse tipo de ataque demonstra a constante evolução das táticas usadas por hackers e a necessidade crescente de empresas e organizações reforçarem suas medidas de cibersegurança para se protegerem contra ameaças cada vez mais sofisticadas. A vulnerabilidade do protocolo HTTP/2 é um exemplo de como os hackers estão explorando novos pontos fracos na infraestrutura da internet.

Importância da Cibersegurança

A magnitude desse ataque reforça a importância da cibersegurança no mundo moderno. Empresas e indivíduos precisam compreender que os ativos digitais são tão importantes quanto qualquer bem físico. O digital deve ser uma prioridade, pois ataques como esse não afetam apenas a segurança das empresas, mas também a privacidade e a segurança de milhões de pessoas ao redor do mundo.

Infoprotect - Sua Solução em Segurança Digital

A Infoprotect surge como a provedora ideal de soluções de segurança digital. Com anos de experiência e conhecimento sólido em cibersegurança, a Infoprotect está comprometida em proteger seus ativos digitais. Nossa equipe de especialistas em cibersegurança está constantemente atualizada sobre as últimas ameaças e desenvolve soluções personalizadas para proteger sua empresa.

 

A cibersegurança é uma batalha contínua. O ataque hacker contra Google, Amazon e Microsoft nos ensina que, em um mundo cada vez mais digital, a proteção de nossos ativos digitais é vital. Não espere até que sua empresa seja a próxima vítima. Invista em segurança digital com a Infoprotect e mantenha-se um passo à frente dos hackers.

 

O ataque hacker que atingiu Google, Amazon e Microsoft nos alerta sobre a necessidade urgente de proteger nossos ativos digitais. A cibersegurança deve ser uma prioridade para empresas e indivíduos. Proteja-se agora e prepare-se para os desafios do futuro digital. Afinal, a segurança é a chave para um mundo conectado e confiável. Como você está protegendo seus ativos digitais? Você está seguro contra ataques cibernéticos? A cibersegurança é uma preocupação constante no mundo digital em constante evolução. Você está preparado para os desafios que podem surgir?

 

Fonte: https://www.msn.com/pt-br/noticias/ciencia-e-tecnologia/google-amazon-e-microsoft-dizem-ter-sofrido-ataque-hacker-sete-vezes-maior-do-que-qualquer-outro/ar-AA1iaCTJ?rc=1&ocid=socialshare&pc=test&cvid=e0c411d58b114517900a9c6e5055d778&ei=18

Rolar para cima